[Resenha] Livro Eu sou o Número 4 de Pittacus Lore

by - 19:01





Se você procura um livro de série envolvente, cheio de aventuras e suspense, então este é o livro certo e diga-se de passagem eu amo essa série!
O que você faria se descobrisse que extraterrestres existem? Que eles podem ser tão parecidos conosco que você nem conseguiria encontrar a diferença?

Ficha Técnica

Book I Am Number Four
Primeiro livro da Série Os Legados de Lorien
Autor: Pittacus Lore (Pseudônimo de James Frey e Jobie Hughes)
Edição Brasileira: Lançado pela Editora Intríseca em 14 de março de 2011
352 página
Lançado pela primeira vez em 3 de agosto de 2010.
Gênero: Ficção Juvenil/ Ficção Científica.
Disponível nas melhores livrarias

  
Eu sou o número Quatro é o primeiro de 7 livros da série Os Legados de Lorien, que conta a história dos nove lorienos que após conseguirem fugir de seu planeta invadido pelos Morgadorianos, chegam ao nosso planeta escondidos com a missão de desenvolver seus dons, treinar e se prepara para o combate para  reconstruir  seu planeta natal.   
O início do livro já te joga numa fuga mortal quando o número 3 é morto nas mãos dos morgadorianos, seres monstruosos cujo único intuito é matar os lorienos e colonizar outras civilizações.
O autor faz nos crer a todo instante que se trata de uma história real, o que nos deixa com mais vontade de passar página por página, para crescer e aprender todos os dons cada uma das crianças é designada a um cepan (responsáveis por todo treinamento dos 9 lorienos), apesar de serem de Lorien somente a   garde possui Legados, e apenas se mantendo fora da visão do mundo eles poderão ficar vivos até que estejam prontos para enfrentar e vencer os morgs.
Jhon Smith (Quatro) aprende a não se apegar pois ele e Henri passam de cidade em cidade, sem si deixar fotografar, chamando menos atenção possível,  tudo muda quando chegam a Paradise e ele conhece Sara, se apaixona por ela e por um instante põe tudo a perder, os disfarces e as fugas.

 "Temos que ir."
" Eu sei."
" Essas ilhas nunca foram seguras. É difícil sair delas rapidamente, difícil fugir. Foi tolice vir para cá."

E ao mesmo tempo que se apaixona por Sara, seus legados ou poderes começam a surgir  o que deixa o livro mais interessante ainda, porque você consegue acompanhar o desabrochar deste adolescente e todas as confusões que envolvem seu relacionamento com Sara e a contradição ele precisa se esconder, mas quer se aproximar mais de Sara.
Jhon Smith ( Quatro) conhece também Sam um garoto obcecado por aliens que se torna seu melhor amigo, um garoto que jura que seu pai foi abduzido por aliens.
Mas nem quatro nem Henri conseguem evitar o confronto com os morgadorianos que chegam a Paradise ao mesmo tempo que a Número Seis outro membro da Garde chega para ajudar a evitar que os morgs matem Jhon.
E quem vence? Os morgs que estão em maioria ou os dois Lorienos?
Um livro que é somente o inicio de uma grande aventura, diversão, ação e suspense que levará você aos altos e baixos de uma história empolgante.
Uma série com 7 livros físicos, 15 livros digitas e 1 filme.



O filme



Eu confesso que achei o filme um tanto quanto frustrante, um livro desta categoria merecia um filme melhor, com um diretor que soubesse escolher o enredo e fosse mais fiel ao filme.
E quando digo fiel não quero dizer detalhes não quero dizer coisas básicas que diferenciam por exemplo um Lorieno de um Morgadoriano. 



Sobre o Livro



Eu sou o Número Quatro é o primeiro volume da série Os Legados de Lorien, contada por PITTACUS LORE, Ancião de Lorien a quem foi confiada a história dos Nove.
"Nove de nós vieram para cá. Somos parecidos com vocês. Falamos como vocês. Vivemos entre vocês. Mas não somos vocês. Temos poderes que vocês apenas sonham ter. Somos mais fortes e mais rápidos que qualquer coisa que já viram. Somos os super-heróis que vocês idolatram nos filmes e nos quadrinhos — mas somos reais.
Nosso plano era crescer, treinar, ser mais poderosos e nos tornar apenas um, e então combatê-los. Mas eles nos encontraram antes. E começaram a nos caçar. Agora, todos nós estamos fugindo.

O Número Um foi capturado na Malásia.

O Número Dois, na Inglaterra.

E o Número Três, no Quênia.

Eu sou o Número Quatro.

Eu sou o próximo."




Minha Nota



Eu amei ler este livro, assim como todos os outros da série, é um livro sim para jovens que ficou por 26 semanas na lista dos mais vendidos do New York Times, eu vi muitas resenhas desrespeitosas para com o trabalho do autor e acredito que tais pessoas não leram o livro direito, uma pena, pois uma crítica quando é construtiva é sempre bem vinda.
Um livro 5 estrelas, eu amo os lançamentos da Intríseca, eles sempre são um verdadeiro sucesso.

 Preparem o coração!

  Uma ótima semana para vocês!

Beijos da Ana!

You May Also Like

0 comentários

Ela Não Soube Perdoar

Aonde vai Vó?- Perguntou a neta preocupada com a fragilidade com que a avó levantou aquela manhã. – Vou encontrar-me com um velho amigo, ele está internado no hospital em Belo Horizonte, sofreu um infarto e os médicos acham que ele não vai durar muito tempo.
– Dona Sophia, quando quiser o carro já está pronto e lhe aguarda.
O motorista trabalhara para Sophia nos últimos vinte anos e nunca tinha visto a senhora tão abatida, seu ar era de alguém que não tinha dormido, e realmente depois de ter recebido a noticia de que Arthur estava internado, ela não dormia há duas noites e mal tinha se alimentado, a verdade era que o coração latejava, em busca de uma solução, queria voltar ao passado e consertar um erro.
– Estou pronta Marcos, vamos.
– Espera Vovó, eu também vou com a senhora, deixe-me pegar minha bolsa que vamos e nem adianta dizer que não, eu vou junto e pronto.
– Tudo bem querida.
A neta era uma garota exemplar crescera ali naquele sítio e sempre foi muito apegada a avó, e por muitos meses eram somente as duas e os três funcionários que trabalhavam no sítio, ela foi para o carro e enquanto esperava neta sua mente voltava ao passado.
Sophia fora uma garota exemplar, criada também pela avó, aprendeu desde cedo que tinha que lutar pelo que queria se quisesse ser alguém na vida.
Ela frequentou a escola e suas notas sempre foram as melhores da turma, era adorada pelos professores e sua avó nunca teve uma queixa, parecia que a história se repetia com sua neta, as duas eram muito parecida até na aparência, Sophia via e si mesma quando conversava com a neta.
Em seu interior sempre se perguntava como havia sido sua mãe, a mãe de Sophia morreu de bala perdida em um dia fatídico em que ela iria dar inicio em suas aulas da Faculdade de Letras, ela morreu antes mesmo de chegar ao hospital, após isso a avó se mudou com Sophia ainda pequena aos dois anos de idade para uma cidadezinha do interior de Minas Gerais, morando em um Sítio nunca lhe faltou aventuras e diversão, nem amizades sinceras e leais.

Continue Lendo....

Dica de Leitura

Dica de Leitura
Da mesma autora do blog!

Postagem em destaque

[Top 20] Seja um porto seguro na vida de alguém

E amar inclui respeitar o outro e aceita-lo como um ser humano real sem idealizações, porque meu bem perfeito ninguém é, ninguém muda p...

Marcadores

CNPJ 20445389/0001-96 EMPRESA DO GRUPO ACP DIGITAL MARKETING . Tecnologia do Blogger.

Seguir Por Email