18 de dez de 2017

[Parceria] Festival de Ofertas Loja Posthaus

16:10 0 Comments
http://www.posthaus.com.br/?afil=3672

Olá Amores!
Dezembro é o mês de compras!
Pensando nas ofertas eu separei algumas coleções lindas que vi no site, para vocês aproveitarem, a loja entrega em poucos dias, ainda dá tempo de você comprar aquele look para passar a virada ou para presentear quem você ama, por que não?
Então vamos aproveitar e claro comprar com desconto, além de aproveitar o verão com um modelinho lindo de arrasar quarteirão.
Galera eu amo as coleções da Posthaus, sempre com aqueles precinhos e claro no estilo que agrada todo mundo, tem moda para a garotada cada coleção que são uma verdadeira fofura, para as magrinhas e também lindo modelos Plus Size que são de arrasar.
Ah e claro tem para o homens, modelitos para deixa-los ainda mais gatos, não perca tempo e dá uma passadinha lá para aproveitar as ofertas e entrar na estação de cara nova.

E não esquece o link é este: www.posthaus.com.br?afil=3672, passa por lá e depois post as fotos para todos verem seu lindo look.
Está em dúvida qual cor irá usar? Esqueça o tradicional e inove, aposte em uma cor viva e que te deixe alegre e de bem com a vida, porque o que atrai ondas positivas não são as cores, são o seu astral.

Esteja feliz com seu próprio corpo e com tudo de bom que existe dentro de você, esqueça o que aconteceu de ruim e entre no novo ano com pensamentos positivos e com aquela certeza de que coisas boas aconteceram no novo ano.
Não teve um bom ano, tenha certeza que em 2018 será um ano de muita colheita positiva para você, não passe por cima de ninguém nem queira construir sua casa em cima da tristeza do outro porque isso só trará ruína e destruição para sua vida, mas queira o melhor sempre e claro respeite o seu tempo e o de Deus, porque Ele é o mestre do tempo.
Eu espero que tenham gostado dos looks que separei, e caso queiram algum outro modelo, dá uma passada lá na loja virtual e faça a sua escolha.
Não esqueça o mês é de festa, então permita-se florescer!
Até a próxima dica!

Beijos ternos,

Ana Ferreira Lima
Siga-me nas Redes Sociais
Twitter @anaferlimaautor Instagram @anaferlimaautor Facebook @autoraanaferreiralima  

   

13 de dez de 2017

[Resenha] Livro Asér (Série Família Magner- Livro 1) de Laina Susan

16:22 0 Comments
 Livro Aser

Olá amores, vamos dialogar sobre o universo dos livros?
 A pauta da vez é Asér escrito pela Laina Susan, a edição que adquiri foi publicada pela Editora Hope, mas recentemente a autora republicou de forma independente.
Asér é o mais novo dos irmãos, da Família Magner, eles vivem em um mundo de guerras entre os clãs, além de Vampiro é um solteiro muito cobiçado e sedutor, eles vivem defendendo seu território e em busca de Paul que encontra-se desaparecido.
Aurora é filha única, não conheceu a mãe,  ela desconhece sua verdadeira história e sua origem, tem uma cafeteria onde passa as madrugadas, ama dançar, embora nos últimos anos, não tenha praticado tanto quanto queria.

Trecho do Livro

- Quero ver quando você encontrar sua companheira de vida- diz meu irmão Connor parando no meu lado.
- Que não seja nem tão cedo! tô feliz sozinho. E você? Não vai procurar a sua não?
-Quando eu encontrar será outra coisa. Mas encontrar não a encontro vou levando com as vampiras- ele diz rindo.
-Hummm... Cadê os outros? Eu pergunto com fome. Claro que de sangue, né? Como comida, mas não me satisfaz só como porque minha mãe tem a mania de dizer que comida é boa e que a gente não vai só beber sangue produzido pela indústria, mas meus pais sempre compram a mais para não ficar pedindo toda semana.

A vida dos dois muda quando em uma noite normal Aurora é atacada por dois homens estranhos e salva por Asér, Aurora então é levada para a casa da Família Magner, onde fica até se recuperar por completo, mas sua aproximação despertara sentimentos muito profundos em Asér que foge de seus sentimentos e essa fuga trás para os dois dor física, causada por os dois terem se apaixonado.

Trecho do livro


- Me acalmar mãe? Elas estão em perigo. Eu posso sentir, mas não posso mandar uma mensagem telepática para proteger Aurora- Grito de nervosismo.

Quando Asér acorda e dispõe a ficar com Aurora os dois começam um lindo romance, carregado de sedução, e romantismo, além de uma pitada muito forte de ciúmes.
Além de desencadear uma disputa e iniciar a guerra entre os clãs, nessa guerra Aurora vai descobrir de onde é, e qual sua verdadeira história.
Para ficar com Asér ela enfrentará vampiras que antes saiam com Asér, além de criar coragem para lutar pelo seu amor verdadeiro.
A descoberta de sua história desencadeará outra luta, em que será preciso os dois ficarem fortes e mais unidos do que nunca.
E nesse conflito Paul aparece.
Será que mesmo com tantos problemas Aurora e Asér irão ficar juntos?
A Família Magner irá conseguir vencer as batalhas?

Uma história emocionante e envolvente, que te faz devorar o livro em poucos dias, escrito em 1º pessoa, a história nos é apresentada de alguns ângulos, temos então quatro narradores, mas os centrais são Aurora e Asér, a partir daí temos o privilégio de ver a história sem cortes e todas as tramas  que envolvem o universo criado pelo autor.
Laina cria uma série de personagens diferentes e apaixonantes, um universo próprio com vampiros diferentes dos que conhecemos até então, com uma história que te prende do início ao fim.
O casal é apaixonante, cenas hot muito bem escritas e sem vulgaridade nem exageros e inspiradoras diga-se de passagem.
Fico pensando como Asér ganharia uma dimensão gigantesca se fosse escrito em 3º pessoa, ainda assim, escrito em primeira e poder ver os pensamentos deste vampiro sedutor, foi instigante.      
      

Sinopse

Asér é o caçula de cinco irmãos, foi transformado aos 22 anos e como vampiro já tem 100. É sexy, controlador, carinhoso. Nunca quis uma companheira e aproveita a "vida" ao máximo possível. Quando seu clã entra em guerra com os Renegados, Asér, junto com seus irmãos, fica de guarda, protegendo seu território. Mas tudo vai mudar para ele, quando numa noite, salva uma humana sendo atacada por dois renegados.
Aurora, 21 anos; dona de uma cafeteria que abre somente à noite até de manhã cedo. Certa noite, dois homens estranhos que não falam a sua língua a atacam. Mas quando menos espera é salva por outro estranho, um que mudará sua vida por completo.

Ficha Técnica


Título Asér- Série família Magner
Editora Hope (1º Edição), Independente (2º Edição)
Lançado em 2017 com 135 páginas
Autor Laina Susan
Disponível No Amazon em E-book ou o Físico direto com a autora.

Avaliação

 ©©©©©
Eu seria injusta com a autora e com o livro e toda a história se desse menos do que cinco estrelas. O livro como já disse tem uma história tão bom que prende sua atenção do início ao fim e como é uma saga esta leitora aqui já está começando a ler o livro 2 é claro, não sou boba e quero ver como a saga vai terminar e outra, gente eu amo de paixão séries fantásticas.
Então que tal apreciar uma nova leitura, uma nova realidade?
Leiam e depois me contem o que acharam, ok?
E claro como sempre peço: Curtam, Comentem, Compartilhem e sigam o portal através do G+.

Beijos ternos,

Ana Ferreira Lima
Siga-me nas Redes Sociais

Twitter @anaferlimaautor Instagram @anaferlimaautor Facebook @autoraanaferreiralima 

Amar é ser Paciente

15:41 0 Comments

O que eu sei sobre o amor?
Eu realmente pouco sei, mas estou aprendendo, buscando amar do jeito que Paulo descreve em Coríntios, um amor sobrenatural, tão elevado e sem vícios, por deveras difícil de alcançar.
Á quem diga que o amor vem com o tempo, que a convivência ajuda, eu digo que se não tiver aquela química e aquele encantamento inicial, o amor simplesmente não vem.
Tem pessoas que passam a vida em uma relação sem sentimento nenhum, com medo da solidão ou por comodismo, um atrasando a vida do outro, não se engane dizendo eu posso amar pelos dois porque tal atitude só trás sofrimento para os dois, a insistência muitas vezes vista como uma qualidade também pode ser enxergada como um defeito , como alguém que se recusa a ver a realidade.
Não seria mais fácil ver que o outro não gosta, e aceitar o término? Evitar assim mais sofrimento?
Ninguém é obrigado a te amar, uma vez que amar é uma condição, se não aconteceu, paciência, prossiga seu caminho, aceitando que nem sempre se pode ganhar.
Amar é ser paciente, mas também é querer ver a felicidade do outro ainda que isso custe a sua própria felicidade, respeite o seu tempo e o tempo do outro, cada pessoa é um mundo e é detestável quando comparamos as pessoas, porque jamais seremos como o outro, cada um tem seu jeito de ser suas qualidades e seus defeitos.  
"Meus filhinhos, o nosso amor não deve ser somente de palavras e de conversa. Deve ser amor verdadeiro, que se mostra por meio de ações. 1 João 3:18."
Quer que alguém te ame? Demostre diariamente, demostre pelas sua atitudes, não apenas com palavras, pois  palavras o tempo leva, atitudes o tempo marca.
O que lhe adianta você dizer que ama se quando vem a oportunidade de provar, você não consegue?
Seja fiel aso seus sentimentos, seja paciente com a outra pessoa e principalmente com você, não acredite no que o mundo diz que quem ama sente ciúmes, pois ciúmes não tem nada a ver com amor.
A outra pessoa não é propriedade sua, ela é um ser humano normal que tem seus sonhos e suas vontades separadas da sua, só quem ama de verdade sabe como é importante respeitar a outra pessoa e desejar o melhor para o outro.
Não existe já amei, ou você ama ou nunca amou.
O que existe são paixões de momento ou arrebatadora, existe aquele gostar, aquela química que te tira de orbita, mas o caminho natural é depois da paixão vir a calmaria, quando você conhece todos os defeitos da pessoa, mas ainda assim a aceita, não querendo mudar ela, mas a vendo como realmente é.
Neste mês de dezembro eu te convido a refletir sobre sua vida, quais pessoas, hábitos ou situações você precisa se libertar? Ou desapegar?
Deixe ir, se for verdadeiro o tempo trás de volta, se não for o tempo trará a pessoa certa que você aprenderá a amar e também te amar de igual forma.       
Tenha fé!
Gostou? Ajude o nosso portal, como?
Compartilhe, Curta, Comente e siga o blog!

Beijos ternos!

Ana Ferreira Lima
Siga-me nas Redes Sociais

Twitter @anaferlimaautor Instagram @anaferlimaautor Facebook @autoraanaferreiralima 

7 de dez de 2017

Na cova dos Leões

12:55 0 Comments


"Então o rei mandou que trouxessem Daniel e o jogassem na cova dos leões. Daniel 6.16"
Oi amores! Quero começar o mês com uma reflexão bíblica, afinal estamos caminhando para os últimos dias de 2017, eu costumo dizer que quando chega o final do ano, dezembro o ano já está na UTI, por que? Pelo simples motivo de que iniciamos a contagem regressiva, então para um ano incomum como 2017 eu trago uma passagem da bíblia que nos relata Daniel servo de querido de Deus preso na cova dos leões.      
Toda vez que enfrentamos alguma batalha, começamos a nos perguntar, será que Deus se esqueceu de mim? Será que Ele não se compadece em me ver triste?
E eu te respondo é claro que Deus não se esqueceu de você, e tão pouco se alegra com o sofrimento de um servo seu, mas muitas vezes até nós cristãos passamos por provações e lutar realmente muito grandes.
Eu te pergunto será que você  está preparado para receber a benção? Já imaginou que ela pode chegar na hora errada e você não está capacitado para segurar?
E quando chegar a tão sonhada vitória, não abandonará a Deus? 
 Todos nos passamos por lutas e provações que um dia terão fim, cabe a cada um saber aprender com cada dificuldade e procurar aprender com os obstáculos que surgem para nós fortalecer na fé, não á  desistir dela.
Veja que Daniel era um homem íntegro e de uma índole inquestionável, ainda assim teve que passar por lutas, Deus não impediu que ele fosse preso na cova de leões, mas impediu que os leões o comecem, porque aquilo era para honra e glória de Deus, tenha certeza que a sua luta chegará ao fim, porque tudo que estas hoje passando será para honra e glória de Deus, nada alegra mais a Deus do que ver um escolhido seu sair vitorioso  seja de qualquer situação.
"O meu Deus mandou o seu anjo, e este fechou a boca dos leões para que não me ferissem. Pois Deus sabe que não fiz nada contra Ele. E também não cometi nenhum crime contra o senhor. Daniel 6.22"
Entender o tempo de Deus e sua vontade em nossa vida, é difícil e muitas vezes as provas causam dor, mas lembre-se que o Deus que livrou Daniel de ser comido por leões, também está vivo e tem poder suficiente para te tirar desta situação, apenas creia e então verás a glória de Deus sob sua vida.
Eu temido está reflexão te convidando a conhecer o Canal cristão de uma amiga, ela posta mensagens todos os dias nas redes sociais, sempre mensagens edificantes, e em sua canal no Youtube sempre posta vídeos bem gratificantes, assistam ao vídeo postado acima e vá até o canal para segui-lo, ok?
E outra coisa para você que passa por aqui, estou com um blog novo apenas de contos, te convido a conhecer, todas as semanas posto um conto novo, venham ver: anaeseuslivros.wordpress.com
A todos um ótimo mês de dezembro que Deus em sua infinita bondade os abençoes grandemente.
Que tal compartilhar este post? Não esqueça você pode ajudar alguém!
Curta, Comente, Compartilhe e Siga o Blog por e-mail ou no G+.

Beijos ternos!

Ana Ferreira Lima
Siga-me nas Redes Sociais

Twitter @anaferlimaautor Instagram @anaferlimaautor Facebook @autoraanaferreiralima 

Ela Não Soube Perdoar

Aonde vai Vó?- Perguntou a neta preocupada com a fragilidade com que a avó levantou aquela manhã. – Vou encontrar-me com um velho amigo, ele está internado no hospital em Belo Horizonte, sofreu um infarto e os médicos acham que ele não vai durar muito tempo.
– Dona Sophia, quando quiser o carro já está pronto e lhe aguarda.
O motorista trabalhara para Sophia nos últimos vinte anos e nunca tinha visto a senhora tão abatida, seu ar era de alguém que não tinha dormido, e realmente depois de ter recebido a noticia de que Arthur estava internado, ela não dormia há duas noites e mal tinha se alimentado, a verdade era que o coração latejava, em busca de uma solução, queria voltar ao passado e consertar um erro.
– Estou pronta Marcos, vamos.
– Espera Vovó, eu também vou com a senhora, deixe-me pegar minha bolsa que vamos e nem adianta dizer que não, eu vou junto e pronto.
– Tudo bem querida.
A neta era uma garota exemplar crescera ali naquele sítio e sempre foi muito apegada a avó, e por muitos meses eram somente as duas e os três funcionários que trabalhavam no sítio, ela foi para o carro e enquanto esperava neta sua mente voltava ao passado.
Sophia fora uma garota exemplar, criada também pela avó, aprendeu desde cedo que tinha que lutar pelo que queria se quisesse ser alguém na vida.
Ela frequentou a escola e suas notas sempre foram as melhores da turma, era adorada pelos professores e sua avó nunca teve uma queixa, parecia que a história se repetia com sua neta, as duas eram muito parecida até na aparência, Sophia via e si mesma quando conversava com a neta.
Em seu interior sempre se perguntava como havia sido sua mãe, a mãe de Sophia morreu de bala perdida em um dia fatídico em que ela iria dar inicio em suas aulas da Faculdade de Letras, ela morreu antes mesmo de chegar ao hospital, após isso a avó se mudou com Sophia ainda pequena aos dois anos de idade para uma cidadezinha do interior de Minas Gerais, morando em um Sítio nunca lhe faltou aventuras e diversão, nem amizades sinceras e leais.