9 de ago de 2018

[Livros] O trabalho do revisor e o preparo do livro

Oi amantes e profissionais da literatura, como estão?
De certa forma o trabalho do revisor é uma tarefa fácil, com o texto em mãos revisamos o que precisa ser revisado, é um trabalho minucioso que precisa ser feito com cautela e extremo cuidado, alteramos palavras que precisam ser alteradas, damos sentidos aquelas que parecem sem nexo, preparamos a obra para ser publicada.
E as vezes damos dicas para o autor “olha esta parte ficou sem sentido seria bom alterar” e é ai onde começa o trabalho beta que é justamente a parte complicada do trabalho, como mostrar ao autor que uma parte ou outra precisa ser modificada, tem autores que realmente não gostam que deem pitacos em suas obras.
Estive revisando um livro para a Editora Arcádia em que precisei fazer alguma inclusões e alterações, para mim o trabalho de ler e revisar o texto precisa ser feito por um profissional sério e capaz, não pode ser feito por pessoas levianas que apenas querem ganhar dinheiros, é preciso ter paixão pelo que se faz e todo livro precisa passar por uma revisão, tem aqueles que passam por três revisão e o ultimo prepara o livro para a impressão antes que envia-lo para o diagramador dar a forma em que o livro vai sair.
Então minha dica de hoje é você está entrando agora?
Leia o seu texto pelos menos três vezes, isso mesmo três vezes e toda vez que você ler irá acrescentar algo ou alterar algo pode ter certeza disso, mas você quer fazer sucesso, então meu amigo o trabalho de escrita não pode ser feito de qualquer jeito, dá trabalho sim, você vai passar noites sem dormir sim isso é um fato, mas no final irá entregar um obra linda e impecável que todos irão amar ler.
Não tem dinheiro para contratar um bom revisor? Verifique alternativas, tem revisor bom e barato no mercado, basta pesquisar, mas se ainda assim pesar em seu bolso, oriento que você tenha o pacote office bem atualizado para corrigir possíveis erros de ortografia, faça uma ultima leitura em busca de erros ou palavras soltas e após isso diagrame seu livro e publique, pode ter certeza que seu livro será um seu será um sucesso se você divulgar nos canais certos.
No próximo post trarei aqui dicas para divulgar sua obra, ok? Não percam.
Está precisando de um revisor? Faça contato comigo através do fale conosco ou contato@entrelivrosecidades.com.
Gostou do post? Compartilhe com seus amigos e siga o nosso blog que em breve teremos sorteio!
Abraços ternos,

Marciana Lima
Siga nossas Redes Sociais:
Facebook @mellpublicacoes  Twitter @mellpublicacoes Instagram @mellpublicacoes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ela Não Soube Perdoar

Aonde vai Vó?- Perguntou a neta preocupada com a fragilidade com que a avó levantou aquela manhã. – Vou encontrar-me com um velho amigo, ele está internado no hospital em Belo Horizonte, sofreu um infarto e os médicos acham que ele não vai durar muito tempo.
– Dona Sophia, quando quiser o carro já está pronto e lhe aguarda.
O motorista trabalhara para Sophia nos últimos vinte anos e nunca tinha visto a senhora tão abatida, seu ar era de alguém que não tinha dormido, e realmente depois de ter recebido a noticia de que Arthur estava internado, ela não dormia há duas noites e mal tinha se alimentado, a verdade era que o coração latejava, em busca de uma solução, queria voltar ao passado e consertar um erro.
– Estou pronta Marcos, vamos.
– Espera Vovó, eu também vou com a senhora, deixe-me pegar minha bolsa que vamos e nem adianta dizer que não, eu vou junto e pronto.
– Tudo bem querida.
A neta era uma garota exemplar crescera ali naquele sítio e sempre foi muito apegada a avó, e por muitos meses eram somente as duas e os três funcionários que trabalhavam no sítio, ela foi para o carro e enquanto esperava neta sua mente voltava ao passado.
Sophia fora uma garota exemplar, criada também pela avó, aprendeu desde cedo que tinha que lutar pelo que queria se quisesse ser alguém na vida.
Ela frequentou a escola e suas notas sempre foram as melhores da turma, era adorada pelos professores e sua avó nunca teve uma queixa, parecia que a história se repetia com sua neta, as duas eram muito parecida até na aparência, Sophia via e si mesma quando conversava com a neta.
Em seu interior sempre se perguntava como havia sido sua mãe, a mãe de Sophia morreu de bala perdida em um dia fatídico em que ela iria dar inicio em suas aulas da Faculdade de Letras, ela morreu antes mesmo de chegar ao hospital, após isso a avó se mudou com Sophia ainda pequena aos dois anos de idade para uma cidadezinha do interior de Minas Gerais, morando em um Sítio nunca lhe faltou aventuras e diversão, nem amizades sinceras e leais.

Dica de Leitura

Dica de Leitura
Da mesma autora do blog!

Postagem em destaque

[Top 20] Seja um porto seguro na vida de alguém

E amar inclui respeitar o outro e aceita-lo como um ser humano real sem idealizações, porque meu bem perfeito ninguém é, ninguém muda p...